Como ver Eclipse – Confira o calendário de Eclipses

Quer saber como ver Eclipse? Antes de mais nada, eclipse lunar é um evento astronômico bastante apreciado pelos terráqueos, que muitas vezes param tudo o que estão fazendo para admirar sua beleza. Dessa maneira, ele pode acontecer de três diferentes maneiras e durar alguns minutos ou poucas horas.

Sendo assim, eclipse acontece entre dois corpos celestes e sua classificação varia conforme o posicionamento que estão em relação à órbita um do outro.

É fundamental lembrar que a Terra está em constante movimento em relação ao Sol, e que a Lua, nosso satélite natural, nos acompanha a todo momento.

Dessa maneira, continue a leitura para tirar todas as suas dúvidas sobre o eclipse lunar e saiba quando e como identificá-lo!

O que é um eclipse?

Primeiramente, esse fenômeno ocorre quando a Terra se posiciona entre a Lua e o Sol, impedindo que a luminosidade alcance nosso satélite, total ou parcialmente.

Inclusive, é importante ressaltar que a Lua não emite luz própria, ou seja: ela reflete a luz do astro rei ao realizar seu movimento em volta da Terra e é por isso que acompanhamos suas diferentes fases.

Quais são os tipos de eclipses lunares?

Sendo assim, como já foi mencionado, esse tipo de eclipse se divide em três formatos e de acordo com o “ângulo” que comentamos anteriormente:

  • Eclipse total: quando a Lua fica em uma região conhecida como “umbra”, totalmente escura, envolta pela sombra da Terra. Conforme entra na umbra, começa a adquirir coloração avermelhada, decorrente do reflexo dos raios solares na superfície terrestre;
  • Eclipse parcial: somente uma parte da Lua fica dentro da umbra, enquanto outros pontos recebem luz;
  • Eclipse penumbral: quando o satélite recebe um pouco de luz solar e tem o brilho que emite apenas diminuído. A região em que fica é tomada pela chamada “penumbra”, com bloqueio parcial do nosso planeta, o que significa que não está no seu brilho máximo, mas também não está com a iluminação totalmente bloqueada;
Isto posto, temos que o mais sutil deles é o eclipse penumbral. Em contrapartida, o eclipse total é um dos mais aguardados e que ocorre com menor frequência: para se ter ideia, ele acontecerá em 2022 e depois novamente só em 2025.

Quando acontece o eclipse da Lua?

Em suma, eclipses acontecem nas fases de Lua cheia, e ao mínimo duas vezes por ano.

Acontece somente por conta da barreira que o nosso planeta proporciona, sendo influenciada pela combinação entre a nossa distância entre nós e nosso satélite, bem como a órbita que nos encontramos e a posição da Lua.

Se essa inclinação não existisse, haveria dois eclipses por mês, um na lua nova (eclipse solar) e outro na lua cheia.

Calendário de eclipse

Nos próximos anos, teremos 20 eclipses da Lua!

Em 2022, os eclipses acontecem nos dias 16 de maio e 8 de novembro, podendo ser vistos no continente americano.

O primeiro, poderá ser visto no Brasil e terá seu ápice na madrugada. Porém, infelizmente, o segundo não poderá ser visível por aqui, por conta da nossa localização geográfica na data. Para conferi-lo, será preciso procurar por registros dele em sites ou redes sociais, como o Instagram do Mapa do Meu Céu. 😉

Confira também as próximas datas (convertidas para o horário de Brasília):

  • 16/05/2022 – Total às 01:12:42
  • 08/11/2022 – Total às 8:00:22
  • 05/05/2023 – Penumbral às 14:24:05
  • 28/10/2023 – Parcial às 17:15:18
  • 25/03/2024 – Penumbral às 04:13:59
  • 17/09/2024 – Parcial às 23:45:25
  • 14/03/2025 – Total às 03:59:56
  • 07/09/2025 – Total às 13:12:58
  • 03/03/2026 – Total às 08:34:52
  • 28/08/2026 – Parcial às 01:14:04
  • 20/02/2027 – Penumbral às 20:14:06
  • 18/07/2027 – Penumbral às 13:04:09
  • 17/08/2027 – Penumbral às 04:14:59
  • 12/01/2028 – Parcial às 13:20:57
  • 06/07/2028 – Parcial às 13:20:57
  • 31/12/2028 – Total às 11:53:15
  • 26/06/2029 – Total às 00:23:22
  • 20/12/2029 – Total às 19:43:12
  • 15/06/2030 – Parcial às 15:34:34
  • 09/12/2030 – Penumbral às 19:28:51
tipos de eclipse lunar

Como ver um eclipse?

Por fim, observatr um eclipse lunar pode não ser tarefa tão fácil quanto gostaríamos! Assim como os demais eventos astronômicos (como as chuvas de meteoros, por exemplo), é preciso que as condições climáticas sejam favoráveis, com pouca nebulosidade (de preferência em locais altos e com tempo seco).

Além disso, que você esteja em um local mais afastado dos grandes centros urbanos, pois a grande quantidade de luz também interfere na perfeita observação. Fora isso, contar com telescópios ou binóculos também ajudam bastante – sobretudo quando o efeito é penumbral ou mais sutil.

Também atentamos para o fato de que ele pode durar alguns minutos apenas ou entre três e quatro horas.

Então o que achou sobre como ver eclipse? Deixe nos comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.