Saque FGTS 2022 – Quem tem direito

Começa em abril o saque FGTS 2022 liberado pelo governo. A Caixa Econômica Federal vai fazer liberações semanais de R$1.000,00 aos milhões de brasileiros que possuem saldo no fundo. Lembrando que o anúncio da nova liberação emergencial do FGTS foi feito pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, junto dos seus ministros.

Tenha em mente que o calendário de pagamento começa no dia 20/04 e segue até 15/06, e os valores serão liberados de acordo com o mês de nascimento do beneficiário. Ao todo, serão pagos R$30 bilhões para aproximadamente 42 milhões de trabalhadores com direito ao saque.

Além do novo saque do FGTS, outras medidas econômicas como a antecipação do 13º salário do INSS e a ampliação da margem do empréstimo consignado também foram anunciadas pela equipe econômica.

É possível fazer saque de até R$ 1.000 por trabalhador até o dia 15 de dezembro de 2022. Outro ponto importante é que o saque prioriza primeiro as contas relativas a contratos de trabalhos extintos (iniciando pela conta com menor saldo) e depois irá atender as outras contas vinculadas, iniciando também pela conta com menor saldo.

Caso o trabalhador não queira sacar o valor e prefere deixar o mesmo rendendo nas contas do FGTS, pode pedir o desfazimento do crédito automático até o dia 10 de novembro pelo app FGTS (Android/iOS), mesmo após a realização do crédito em conta poupança no Caixa Tem.

Quem não movimentar os valores até o dia 15 de dezembro vai ter o seu dinheiro devolvido à sua conta do FGTS sem nenhum prejuízo e com valor corrigido. Vale ressaltar que o FGTS rende cerca de 3% ao ano.

Quem tem direito ao Saque FGTS 2022?

Saiba que todo cidadão com dinheiro nas contas do FGTS vai ter, automaticamente, o valor depositado na conta da Caixa de acordo com o calendário. Quem não possui uma conta aberta na Caixa Econômica Federal terá a abertura automática de uma conta no Caixa Tem e depois conseguirá transferir os valores por meio do aplicativo.

Como consultar o Saque FGTS 2022?

Segundo a Caixa, a consulta para saber se você tem direito a realizar o saque emergencial do FGTS ficará disponível a partir de 8 de abril pelo aplicativo do FGTS e também pelo site da Caixa. Também é possível consultar nas agências bancárias e no site do FGTS.

Através do aplicativo do FGTS os brasileiros podem consultar o valor a ser creditado, a data em que o depósito será realizado na conta poupança digital, optar pelo não recebimento dos valores caso não queira realizar o saque extraordinário e solicitar o retorno do dinheiro disponibilizado para a conta FGTS.

Tenha em mente que o aplicativo oficial desenvolvido pela Caixa é a ferramenta mais completa para consultar informações sobre o seu FGTS. Ao acessar o app, você pode consultar o saldo de todas as contas do Fundo, bem como conferir o saldo de todas as contas existentes do FGTS.

Calendário e datas do FGTS emergencial

O calendário proposto pelo governo e pela Caixa segue a ordem do mês de nascimento dos beneficiados.

Pessoas nascidas em janeiro recebem no dia 20 de abril. O calendário segue com um depósito por semana para cada grupo até 15 de junho. 

  • Janeiro: 20 de abril
  • Fevereiro: 30 de abril
  • Março: 04 de maio
  • Abril: 11 de maio
  • Maio: 14 de maio
  • Junho: 18 de maio
  • Julho: 21 de maio
  • Agosto: 25 de maio
  • Setembro: 28 de maio
  • Outubro: 01 de junho
  • Novembro: 08 de junho
  • Dezembro: 15 de junho

Os valores serão depositados em conta corrente, conta poupança ou conta poupança digital aberta de forma automática no Caixa Tem. O dinheiro pode ser movimentado pelo aplicativo para pagar boletos e contas, fazer compras com cartão de débito virtual, transferir o saldo para outras contas ou realizar o saque sem cartão.

Gostou das dicas? Deixe o seu comentário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.