Simulador de Juros no Cartão – Como calcular

Pagou o mínimo e não sabe como calcular os juros no cartão? Tenha em mente que os juros do cartão de crédito, chamado de crédito rotativo, é acionado quando o valor total da fatura não é paga. O pagamento mínimo é um serviço oferecido pelas operadoras de cartão de crédito para quem não tem dinheiro para pagar o valor integral da fatura e funciona como um financiamento da dívida. 

Pode parecer uma facilidade, mas a taxa média de juros do rotativo do cartão no Brasil é de 352,76% ao ano e de 15% a 20% ao mês, sendo uma das taxas mais elevadas no mundo, segundo levantamento da Proteste. É verdade que a taxa de juros do crédito rotativo no país vem registrando quedas, mas ainda assim é pouco significativa para o bolso dos brasileiros.

Como calcular juros do cartão de crédito

Agora que você já entende mais detalhes sobre o crédito rotativo, aprenda como calcular os juros do cartão de crédito:

Confira como calcular juros de cartão de crédito do pagamento mínimo:

  1. Pegue o valor total da fatura que pagou o mínimo. Exemplo: R$ 880,00.
  2. Encontre na fatura o valor permitido para o pagamento mínimo. Exemplo: R$ 176,00.
  3. Calcule o saldo rotativo da seguinte maneira: valor total da fatura (subtraindo) valor mínimo. Exemplo: R$ 880,00 – R$ 176,00 = R$ 704,00.
  4. Qual a taxa de juros do rotativo ao mês? Ligue para sua operadora caso não encontre esta informação na fatura. Exemplo: 14,72%.
  5. Agora que você já sabe o percentual, faça o seguinte cálculo para encontrar os juros: saldo do rotativo (multiplicado) pela taxa de juros. Exemplo: R$ 704,00 x 14,72 = R$ 103,62.
  6. Para saber qual será o saldo devedor na próxima fatura, calcule: saldo rotativo (somado)  ao juros rotativo. Exemplo: R$ 704,00 +R$ 103,

Nesse exemplo, fica claro que o mês anterior e o mês seguinte tem quase o mesmo valor para pagamento. Isso significa que o crédito rotativo não ajuda a solucionar o problema da falta de dinheiro para pagamento da fatura do cartão de crédito. Ele só funciona quando você tem certeza que conseguirá fazer o pagamento total da fatura no mês seguinte.

Ou seja, ao pagar um valor maior ou igual ao mínimo, além dos juros do crédito rotativo, é cobrado o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF). Por meio do IOF, o governo acompanha a demanda e oferta de crédito no país.

Cartão de crédito: parcelar é a melhor opção?

A taxa de juros do parcelamento tem variações, de acordo com a operadora do cartão de crédito e perfil de risco do tomador de crédito. Vale ressaltar que, ao parcelar o saldo devedor da sua fatura, o limite é comprometido. Somado aos juros do parcelamento, você corre o risco de ficar sem limite por um bom tempo, até que sejam pagas várias parcelas. 

Sendo assim, antes de parcelar a fatura do seu cartão de crédito, fique atento a outras opções para pagar o valor total da sua fatura. 

Simulador de juros no cartão

Caso você prefira, também é possível usar um simulador de juros no cartão online, como o simulador do Todos Contam. Basta você preencher as informações sobre a fatura e ver o valor.

Gostou das dicas? Deixe o seu comentário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.